Categoria: Live-Action

Orange chegando aos cinemas!

O popular shoujo de Ichigo Takano está chegando aos cinemas japoneses. A emocionante história de amor, viagem temporal e perda composta pela autora teve sua adaptação em live-action anunciada há alguns meses. Foram confirmados nomes do elenco, e divulgadas as primeiras fotos da produção.

O longa será dirigido por Kojiro Hashimoto, com roteiro de Arisa Kaneko, responsável pela adaptação de Densha Otoko. A atriz Tao Tsuchiya interpretará a protagonista da trama, Naho Takamiya. Tao já é conhecida dos fãs brasileiros após interpretar Misao Makimachi nas adaptações de Rurouni Kenshin para as telonas.

Orange filme 4

 

Mas o par de Naho também não é um estranho. O personagem Kakeru Naruse será interpretado por Kento Yamazaki, que já encarnou L no live-action de Death Note. Ryo Ryusei (GTO) interpretará Haruto Suwa, Hirona Yamazaki (Koukou Nyushi) será Takako Chino, Dori Sakurada (The Prince of Tennis) e Kurumi Shimizu (Jinx!!!) serão Saku Hagita e Azusa Murasaka, respectivamente. Confira as fotos:

Confira também o primeiro teaser do filme! Tá lindo!

O filme chegará aos cinemas em dezembro. No Brasil, Orange será lançado pela Editora JBC, como foi anunciado no último Anime Friends. Por enquanto, ainda não foram divulgados os detalhes da publicação, que devem ser liberados em breve.

 

Ultraman clássico completa 49 anos!!

Em 17 de julho de 1966, os televisores do Japão fariam o primeiro contato com aquele que, mais tarde, se tornaria um ícone de várias gerações e daria início a uma das maiores franquias de séries de efeitos especiais do país, ou como ficou conhecido popularmente, os tokusatsu. Vindo da Nebulosa M-78, o alienígena tinha um corpo semelhante ao de um humano, porém, com estatura e força física infinitamente superiores, além de um arsenal de golpes mirabolantes e armas de tecnologia avançada, que o tornavam capaz de enfrentar monstros terríveis e, assim, salvar a Terra. Estamos falando nada mais, nada menos, do Ultraman.  ULTRAMAN

Criação de Eiji Tsuburaya, gênio dos efeitos especiais e mundialmente reconhecido e aclamado por suas inovações nesse campo (tão famoso que até ganhou um doodle comemorando o seu 114ª aniversário), Ultraman se tornou um ícone da cultura pop, e um verdadeiro símbolo de herói e defensor da paz.

A série de 40 episódios tornou-se admirada e conhecida no mundo inteiro, conquistando uma legião de fãs, de crianças a adultos, que acompanhavam ansiosos a história de Shin Hayata e do “Gigante de Luz”. Depois de Ultraman, logo outros Vigilantes Espaciais também chegaram à Terra e tiveram suas histórias contadas em Ultra Seven (1967), O Regresso de Ultraman (1971), Ultraman Ace (1972), Taro (1973), Leo (1974), Ultraman Eighty (1980), Ultraman Tiga (1996), Dyna (1997), Gaia (1998), Neos (2000), Cosmos (2001), Nexus (2004), Ultraman Max (2005), Mebius (2006), Ultraseven X (2007), Ultraman Ginga (2013) – formando aquilo que hoje os fãs nomeiam de “Família Ultra”.

O sucesso dos Ultras não ficou restrito ao Japão. A franquia ganhou várias adaptações estrangeiras e teve suas séries exibidas em diversos países, como EUA, Espanha, Coreia do Sul e Malásia. No Brasil, Ultraman, Ultra Seven e O Regresso de UItraman foram exibidas entre as décadas de 70 e 80 pela TV Tupi, Bandeirantes, Record, Manchete, TVS e SBT, repetindo o mesmo sucesso que já haviam conquistado no Japão e exterior, fazendo a cabeça de crianças e adultos com bonequinhos, fitas VHS, e outros produtos. Nos anos 90, a franquia voltou a ter outro representante no país, com a exibição de Ultraman Tiga pela Record.

Em 2011, depois de algumas tentativas não tão bem sucedidas, o universo dos Ultras retornou de vez ao Brasil com o lançamento dos longas para DVD pela Focus Filmes: Ultraman Tiga e Ultraman Dyna: os Guerreiros da Estrela da Luz; Ultraman Gaia & Ultraman Dyna & Ultraman Tiga: A Batalha do Hiperespaço; Ultraman Tiga: A Odisséia Final; Ultraman The Next; Ultraman Mebius & Irmãos Ultra: Yapool Ataca!; Ultraman Mebius & Irmãos Ultra: A Grande Batalha Decisiva; Mega Batalha na Galáxia Ultra; A Vingança de Ultraman Belial; e Ultraman Saga (ufa!), que trouxeram novos e velhos conhecidos da franquia para delírio dos fãs brasileiros. Este ano, mais um herói vindo da Nebulosa M-78 surge no Japão, com exibição simultânea no Brasil pelo Crunchyroll: Ultraman X.

E hoje, no aniversário de 49 anos da série clássica, um vídeo misterioso do canal oficial da Tsuburaya está deixando os fãs curiosíssimos… Será uma nova série? Um game? Um longa? Especula-se que o número “77” ao fim do vídeo faça referência ao aniversário de Eiji Tsuburaya, 7 de julho, que ano que vem completaria 115 anos junto aos 50 anos do Ultraman clássico.

Veja e tire suas próprias conclusões!

 

Parabéns, UItraman, por defender a Terra com tanto empenho por quase 5 décadas!

E lembre-se: Em tempos de destruição, ELE retorna!

E lembre-se de novo: O Ultraman é capaz de TUDO! Até disto aqui:

Kamen Rider Drive oficialmente revelado

Depois de muitas fotos dos sets, boatos e expectativa, a capa da revista japonesa Kamen Rider EX vol. 2 revela, finalmente, o Kamen Rider Drive!

Capa da revista, com Drive à frente e Gaim ao fundo.
Capa da revista, com Drive à frente e Gaim ao fundo.

O que se sabe até agora é que Drive, que tomará o lugar de Kamen Rider Gaim (aquele, com armadura de laranja), além do nome confuso (“rider drive”?), é que o tema da vez é “carros”, e assim ele terá, obviamente, não uma moto, como é tradição da franquia, mas sim um carro chamado Tridon. O único Kamen Rider que já teve um carro foi o Black RX, com seu Ridon, que deve ter servido de inspiração para o nome do novo veículo.

Tridon, o carro do Drive.
Tridon, o carro do Drive.
Inspiração?Inspiração?

Seu “henshin” será feito através do cinto chamado Drive Driver (parabéns a seja lá quem for que criou este nome), e também do Shift Brace, que usará estes carros em miniatura na cintura do Rider (os “Shift Cars”), provavelmente para mudar de “modo”, já que o personagem costuma ter sempre várias formas diferentes.

Kamen Rider Gaim, a série atual, acaba em setembro, com 47 episódios. Drive ainda não tem data de estreia.

Fontes: Jefusion.com, TokusatsuNetwork.com

All You Need is Kill é da JBC!

Um dos três títulos anunciados pelo Gerente de Conteúdo da Editora JBC, Cassius Medauar, no último Henshin+ Pocket, foi All You Need is Kill, mangá muito aguardado pelos fãs, pois é uma série completa em 2 volumes desenhada por ninguém menos do que o mangaká Takeshi Obata, responsável por outras obras já bastante conhecidas dos fãs brasileiros, como Bakuman, Hikaru no Go e Death Note, já publicados pela Editora JBC.

All You Need is Kill, foi inspirado em uma famosa light novel de mesmo nome, escrita por Hiroshi Sakurazaka, publicada pela Shueisha em 2004, e, agora em 2014, adaptada em mangá pela mesma editora. Isso ocorreu por causa da adaptação de All You Need Is Kill para o cinema com o título de Edge of Tomorrow, que no Brasil saiu como No Limite do Amanhã.

 Capa nacional
Capa nacional

A produção fez bastante sucesso dentro e fora dos Estados Unidos, faturando aproximadamente 750 milhões de reais. O filme contou com a participação de grandes nomes da indústria cinematográfica, como Tom Cruise (Missão Impossível: Protocolo Fantasma) e Emily Blunt (Looper), que encarnam Keiji Kiriya e Rita Vrataski, protagonistas da história, e foi dirigido por Doug Liman (Jumper).

A trama mostra o soldado inexperiente Keiji, que morre em sua primeira investida em campo de batalha contra alienígenas que invadiram a terra, mas acaba acordando logo em seguida na manhã anterior a esse mesmo primeiro ataque. Agora ele terá que entender o que aconteceu e, ao mesmo tempo, ajudar as forças da Terra a vencer os inimigos do planeta.

Confira aqui o vídeo de anúncio da obra:

Cada edição do mangá terá 216 páginas. Os volumes terão formato 12 x 18 cm, mesmo de Soul Eater NOT e Sailor Moon, papel brite 52 e distribuição nacional, com preço de R$12,50. O lançamento será durante o evento Comic Con Experience, realizado em São Paulo durante os dias 4 e 7 de dezembro. O mangá chegará em lojas especializadas também a partir do dia 4, e às bancas um pouco mais tarde, em data ainda não confirmada.

Mais fotos do elenco de Bakuman

O filme de Bakuman está cada vez mais próximo! Aqui na Henshin você já viu imagens preliminares de alguns dos integrantes do elenco do filme, que adapta a obra de Tsugumi Ohba e Takeshi Obata. Agora, com mais personagens revelados, que tal comparar os atores e os personagens do mangá e animê?

Kankurou Kudou (GeGeGe no Nyobo) como o tio do Mashiro, Taro Kawaguchi. Diferente, mas bem bacana.
Kankurou Kudou (GeGeGe no Nyobo) como o tio do Mashiro, Taro Kawaguchi. Diferente, mas bem bacana.
Takayuki Yamada (Gantz) como o editor Akira Hattori. Esse os fãs vão reclamar...
Takayuki Yamada (Gantz) como o editor Akira Hattori. Esse os fãs vão reclamar…
Lily Franky (Judge) como o editor-chefe Hisashi Sasaki. Bem diferente, mas funciona.
Lily Franky (Judge) como o editor-chefe Hisashi Sasaki. Bem diferente, mas funciona.
Kenta Kiritani (Beck) como Shinta Fukuda. Pegou o espírito.
Kenta Kiritani (Beck) como Shinta Fukuda. Pegou o espírito.
Sarutoki Minagawa (Death Note) como Takuro Nakai. Será que ele vai engordar num próximo filme?
Sarutoki Minagawa (Death Note) como Takuro Nakai. Será que ele vai engordar num próximo filme?
Hirofumi Arai (Serviço de Entregas da Ki Ki) como Kazuya Hiramaru. Talvez o melhor de todos!
Hirofumi Arai (Serviço de Entregas da Ki Ki) como Kazuya Hiramaru. Talvez o melhor de todos!
Nana Komatsu (Kinkyori Renai) como Miho Azuki. Não, não é "aquela" Nana Komatsu...
Nana Komatsu (Kinkyori Renai) como Miho Azuki. Não, não é “aquela” Nana Komatsu…
Shota Sometani (Parasyte) como o gênio Eiji Niizuma.
Shota Sometani (Parasyte) como o gênio Eiji Niizuma.
E, claro, os personagens principais. Takeru Sato (Kenshin, no filme Samurai X – O Filme) como Mashiro Moritaka; e Ryunosuke Kamiki (Soujirou Seta, na sequência de Samurai X – O Filme) como Takagi Akito.
E, claro, os personagens principais. Takeru Sato (Kenshin, no filme Samurai X – O Filme) como Mashiro Moritaka; e Ryunosuke Kamiki (Soujirou Seta, na sequência de Samurai X – O Filme) como Takagi Akito.

E aí, o que achou? Alguns personagens ficaram um pouco distantes do traço do mangá, mas mesmo assim, a caracterização, em geral, está muito boa. E são vários atores de peso, mostrando que é um projeto grande e com grandes expectativas por parte do estúdio.

O filme, dirigido por Hitoshi Ohne, tem estreia prevista nos cinemas japoneses para 2015, mas ainda não tem data definida. No Brasil, o filme não tem previsão de lançamento, mas o mangá que inspirou o longa teve seus 20 volumes publicados pela Editora JBC, tendo sido finalizado em 2013, e está disponível em lojas especializadas.

Novidades de Bakuman!

comentamos por aqui que a dupla de mangakás mais famosa do Japão está chegando aos cinemas, ou melhor, as duas duplas mais famosas, já que os astros de Bakuman, Mashiro Moritaka e Takagi Akito, foram criados pela dupla real de mangakás, Takeshi Obata e Tsugumi Ohba.

Bem, passado o frenesi inicial do anúncio, tivemos poucas novidades. Basicamente, a confirmação dos atores Takeru Sato (Kenshin, no filme Samurai X – O Filme) e Ryunosuke Kamiki (Soujirou Seta, na sequência de Samurai X – O Filme), respectivamente representando Moritaka e Akito.

Na última semana, houve o anúncio de parte do elenco do filme, com Kenta Kiritani (Beck) como Shinta Fukuda, Sarutoki Minagawa (Death Note) como Takuro Nakai e Hirofumi Arai (Serviço de Entregas da Ki Ki) no papel de Kazuya Hiramaru. Confira um pôster da 43° Weekly Shonen Jump, revista onde o mangá foi serializado, com os atores e seus respectivos personagens:

Miho Azuki, interesse romântico do desenhista Moritaka e uma das protagonistas da série, também teve sua intérprete revelada. A personagem será encarnada pela atriz Nana Komatsu, uma das estrelas do romance japonês de 2014, Kinkyori Renai.

Nana Komatsu
Nana Komatsu

O filme, dirigido por Hitoshi Ohne, tem estreia prevista nos cinemas japoneses para 2015, mas ainda não tem data definida. No Brasil, o filme não tem previsão de lançamento, mas o mangá que inspirou o longa teve seus 20 volumes publicados pela Editora JBC, em 2013, e está disponível em lojas especializadas.

Death Note the Musical

Depois de três adaptações para live-action e um animê, Death Note agora irá ser transportado para os palcos dos teatros em Death Note the Musical.

O aclamado mangá de Tsugumi Ohba e Takeshi Obata está sendo adaptado para um musical com estreia em abril de 2015 no Nissay Theatre, Japão, para depois estrear no LG Art Center, em Seoul (Coreia do Sul), em agosto.

Quem está a cargo das músicas da peça é Frank Wildhorn, compositor mais conhecido pela canção “Where Do Broken Hearts Go?”, da Whitney Houston, e pelo musical Jekyll & Hyde, com letras de Jack Murphy (Carmen, The Count of Monte Cristo). A direção fica nas mãos do prestigiado diretor Tamiya Kuriyama.

E os atores que darão vida ao embate de Light (Kira) e L já foram escalados. Kenji Urai (Aoi Honoo) e Hayato Kakizawa (Crows Explode) serão Light (Kira), enquanto Teppei Koike (Love*Com The Movie) fará o detetive L.

Por enquanto, apenas foi divulgada a foto de Teppei Koike caracterizado como L (veja abaixo).

Kenji Urai (Light/Kira)
Kenji Urai (Light/Kira)
Hayato Kakizawa (Light/Kira)
Hayato Kakizawa (Light/Kira)
Teppei Koike (L)
Teppei Koike (L)

Já imaginaram Light e L cantando no palco? Fique de olho na Henshin para mais novidades de Death Note the Musical!

Sailor Lingeries!

Produtos licenciados baseados em Sailor Moon não são uma grande surpresa. Os fãs japoneses têm a sua disposição um sem número de produtos estampados pelas guerreiras lunares, mas se, pra você, canetas, borrachas e bonecas não são o suficiente, chegou a hora de conhecer as lingeries das sailors!

A base da coleção inspirada na obra de Naoko Takeuchi é composta por dez conjuntos representando as Sailors Moon, Mars, Jupiter, Mercury, Venus, Pluto, Chibi Moon, Uranus, Neptune e Saturn.

Cada um dos conjuntos custa aproximadamente R$150,00. Mas, se você preferir uma coisa mais confortável para dormir, pode levar pra casa camisolas inspiradas na Princess Serenity e na Black Lady, por R$250,00 e R$200,00, respectivamente, ou, nos uniformes escolares das garotas, custando por volta de R$102,00.

Para conferir todos os produtos, acesse o site oficial da Bandai a partir de 19 de setembro. E não se esqueça, o mangá original de Naoko Takeuchi é publicado no Brasil pela Editora JBC e, atualmente, está em seu sexto volume.

Para saber todas as #sailornovidades, fique ligado na Henshin!

Sinopse e teaser de Kamen Rider Drive

Depois de os primeiros detalhes da série, como o uniforme, método de transformação e o carrão, terem sido revelados, é hora de ver Kamen Rider Drive em ação! Confira no teaser abaixo:

Kamen Rider Drive será estrelado por Ryōma Takeuchi como o policial Shinnosuke Tomari, que se torna o Rider e deve combater os “Roymiudo”, androides que querem se tornar humanos e acabam se revoltando contra a humanidade.

O ator Ryōma Takeuchi
O ator Ryōma Takeuchi

Dirigindo (hein? hein?) Drive está o diretor Ryuta Tasaki, que também dirigiu (né? hein?) também o clássico Kamen Rider Black! A série estreia 5 de outubro, e substituirá Kamen Rider Gaim.

Primeiro pôster
Primeiro pôster

Kenshin, o maior de 2014!

Com o terceiro e último filme da saga, Rurouni Kenshin: Densetsu no Saigo-hen (A saga do Lendário Fim), chegando no próximo dia 13 de setembro, o período de exibição do segundo filme da franquia se encerrou.

Já comentamos por aqui que Rurouni Kenshin: Kyoto Taika-hen (O Grande Incêndio de Kyoto) foi o filme live-action com maior arrecadação de estreia no Japão, recolhendo pouco mais de 8 milhões de dólares, mas, agora que as bilheterias fecharam de vez, a história do retalhador bateu mais um recorde.

Kyoto Taika-hen atingiu a cifra de 42,4 milhões de dólares e se tornou, oficialmente, o filme live-action de maior arrecadação do ano. A produção que liderava as bilheterias era Thermae Romae II, que, seguindo o imenso sucesso de seu antecessor, recolheu 41,5 milhões de dólares.

Agora, resta saber quanto público o terceiro filme de Kenshin Himura levará às salas de cinema, mas vale lembrar que segundo site animeanime.jp, as pré-vendas para a sessão de estreia já venderam 150% a mais que para a de Kyoto Taika-hen.

Tanto Rurouni Kenshin como Thermae Romae são publicados no Brasil pela Editora JBC. Thermae Romae é completo em 6 volumes, em uma edição especial para livrarias e Rurouni Kenshin segue sendo publicado em edição de colecionador, estando atualmente no 22° volume.

Para saber tudo sobre o mundo dos mangás e dos filmes, fique ligado na Henshin!