Categoria: Anime

Evangelion 3.0+1.0: o 4º filme

Após a exibição do terceiro filme do remake de Neon Genesis Evangelion, Evangelion: 3.33 You Can (Not) Redo, que já é um título bastante, digamos, “elaborado”, foi revelado no site oficial de Evangelion essa imagem:

Aparentemente, o próximo filme do chamado “Rebuild” de Evangelion não será o esperado 4.0 (ou 4.44), mas 3.0+1.0. Inclusive, em um daqueles festivais de lanternas de papel no Japão, uma das lanternas tinha o logo acima, e a frase “Não há origem”.

Lanterna do Festival Bonbori, de Kamakura.
Lanterna do Festival Bonbori, de Kamakura.

Seria um sinal? Viajando um pouco, a letra “N” repetida, e a frase “não há origem” (O próximo título? “There is (no) origin”?) podem ter a ver com a teoria de que os filmes do “Rebuild” não são uma versão diferente da história, mas, sim, um tipo de continuação de um ciclo eterno do universo de Evangelion, sem fim e sem… origem.

Enfim, por enquanto, nenhuma outra informação concreta foi divulgada. Só o que sabemos é que o próximo filme vem aí, em breve. E terá mais um título… “peculiar”. Já que nada em Evangelion pode ser simples.

Lembrando que a edição final de Neon Genesis Evangelion terá lançamento simultâneo em 18 países, incluindo o Brasil, pela JBC! O volume 14 o tankobon chega dia 20 de novembro; e a coleção em meio-tanko (volumes 27 e 28) também será concluída pela JBC. Não perca!

Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário

Em um primeiro momento, fãs da série clássica podem se incomodar com o novo visual presente em Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário, mas não existe nada para se alarmar aqui. Apesar de fugir bastante da estética antiga, o design é muito bem feito e agradável. A revitalização dos personagens funciona e, tomando algumas liberdades, todos são reconhecíveis, mantendo, com algumas exceções, a chama de suas apresentações anteriores.

No geral, a animação da produção é honesta. As cenas de ação funcionam, com destaque para a introdução de Hyoga de Cisne e a belíssima batalha na Casa de Leão – na verdade, para qualquer cena onde Aioria usa seus golpes na velocidade da luz. Por outro lado, alguns dos combates parecem apressados e confusos, dando a impressão de que grandes borrões dourados estão se chocando em cena. O mesmo vale para as tomadas panorâmicas, em sua maioria sem expressão, frias e distantes.

Se a animação e o design têm seus pontos fortes e merecem elogios, o mesmo não pode ser dito do argumento do filme. A iniciativa de contar quase 13 edições do mangá em pouco mais de 1 hora e 30 min era bastante ousada e, infelizmente, se provou inviável. Os cortes, contínuos e mal programados, quebram o ritmo do filme e entregam uma progressão arrastada, matando a fluidez e impactando na narrativa.

Enquanto trechos inteiros da trama são deixados de lado pela ameaça do relógio de fogo, que se apaga, não só para Athena, mas para a curta duração da animação, outros lados recebem atenção excessiva, desperdiçando preciosos minutos que, com certeza, poderiam ter sido melhor aplicados.

É necessário admitir que para recontar a saga completa das doze casas em menos de duas horas, concessões eram necessárias. No entanto, optar por deixar de fora pontos de transição importantes e cenas que dariam peso às motivações dos personagens, foi um erro. O impacto no filme foi enorme, que terminou por apresentar uma história um pouco vazia, sem estrutura lógica, cheia de cortes abruptos, diálogos rasos e um final extremamente mirabolante, sem sentido e enfadonho.

Vale a ressalva de elogio à equipe nacional de adaptação que, mesmo com um material de qualidade duvidosa nas mãos, manteve o padrão já utilizado em outros segmentos da franquia, apresentando um texto simples, e familiar, cumprindo exatamente com o esperado. O único equívoco presente neste segmento – que, bem verdade, pode estar presente também no texto original – se encontra na chegada à Casa de Sagitário, onde a legenda e a narração, erroneamente, a chamam de Casa de Capricórnio.

Assim, Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário não é um filme facilmente apreciado por aqueles que estão completamente alheios à história de Seiya e, ao mesmo tempo, também não é uma obra que privilegia e busca agradar os fãs de longa data. Ainda assim, há que se louvar a tentativa de atualizar e dar uma nova roupagem a série, e nos resta torcer para que, se houver uma continuação, desta vez o roteiro seja priorizado.

20 anos de Cavaleiros do Zodíaco, nos cinemas

Há 20 anos, as cortinas de uma nova batalha se abriam! Em 1994 a Rede Manchete começava a exibição de Os Cavaleiros do Zodíaco, o animê que marcou gerações e foi o ponto de partida da retomada das animações e quadrinhos japoneses no Brasil.

Em comemoração a esse marco, a PlayArte preparou uma programação especial com todos os filmes da franquia, e uma seleção de episódios importantes, incluindo até um dia de homenagens ao dublador Valter Santos, o Camus de Aquário, que faleceu em 2013. Quem for assistir ainda ganha brindes, como cartões postais especiais e um pôster comemorativo.

Serão dois fins de semana queimando o cosmo, nos dias 29, 30 e 31 de agosto, e 05, 06 e 07 de setembro. Confira a programação completa, preços de ingressos e todas as informações, aqui no site oficial. Todas as sessões são às 17h, no PlayArte Bristol, que fica no Shopping Center 3, Avenida Paulista, Nº 2064.

Coleção completa de Os Cavaleiros do Zodíaco
Coleção completa de Os Cavaleiros do Zodíaco

O mangá clássico, de autoria do mestre Masami Kurumada, foi encerrado pela Editora JBC este ano, em 28 edições. Mas a história continua! Lost Canvas Gaiden já está em sua 9º edição; e o Next Dimension, a continuação da saga de Seiya, Saori e os outros, chegou ao volume 8. Avante, Cavaleiros de Athena!

Os volumes mais recentes de Lost Canvas Gaiden e Next Dimension
Os volumes mais recentes de Lost Canvas Gaiden e Next Dimension

Pingentes de Sailor Moon

Um fato é indiscutível: todos os produtos que levam a marca Sailor Moon são superfofos. E os novos itens colecionáveis estão aí para reforçar isso!

A Bandai lançou uma coleção de pingentes e broches de Sailor Moon, baseados nos itens de transformação das guerreiras. Ao todo, são 20 peças que podem ser adquiridas por coleção completa ou conjunto temáticos por fase do animê, custando cerca de R$220,00 e R$61,00, respectivamente.

A pré-venda pode ser feita até setembro, para os conjuntos; e até outubro, para a coleção completa. Você pode encomendá-las aqui (conjunto) e aqui (temática).

E não fica só nisso, não. Também está à venda a coleção de canetas de transformação das 5 Sailors principais, por cerca de R$144,00. As encomendas serão aceitas até 8 de setembro, e podem ser feitas aqui.

Não são mesmo itens pra colecionador nenhum botar defeito?

Studio Ghibli, vivo ou morto?

Durante o último final de semana, uma série de portais de comunicação e entretenimento noticiou o fechamento oficial do Studio Ghibli. O antigo estúdio de Hayao Miyazaki, supostamente, encerraria suas atividades após a fraca recepção de seu último filme, Omoide no Marnie. A fonte citada pelos veículos foi a entrevista de um dos cofundadores do estúdio, Toshio Suzuki, concedida ao programa Jonetsu Taririku, da TBS.

Ainda que durante sua declaração Suzuki tenha afirmado que o estúdio passa, sim, por um momento financeiro delicado, o diretor não confirmou um possível fechamento do estúdio. Na verdade, o que deve ocorrer nos próximos meses é uma reestruturação profunda em alguns setores da empresa.

Em seu atual formato, o Studio Ghibli apresenta uma estrutura de trabalho bastante onerosa, com um grande quadro de funcionários e muitos custos de produção. Segundo Suzuki, a ideia é desmantelar o estúdio central e redistribuir as funções em células menores, rotativas e menos custosas, um esquema similar ao que já é comumente praticado por outros estudios.

Por enquanto, é difícil especular qual será o resultado das mudanças e como elas afetarão o futuro do estúdio e de suas próximas produções, mas é possível apostar em grandes mudanças após a tímida estreia de seu último filme, que atingiu somente o 3° lugar em seu final de semana de estreia e recolheu pouco mais de 3 milhões de dólares, lembrando que em sua formatação atual o estúdio tem um custo aproximado de 20 milhões de dólares por ano.

Fique de olho na Henshin para saber tudo sobre o mundo das animações!

Novo Filme de Dragon Ball!

Agora os fãs de Akira Toriyama têm um ótimo motivo para comemorar. Um novo longa-metragem animado da série Dragon Ball já está em produção. A confirmação do projeto foi feita através da edição de setembro da revista Jump V, que sairá no Japão no próximo sábado.

Segundo o site americano de entretenimento Anime News Network, a publicação confirmará não só o novo projeto, mas a também a participação direta de Toriyama no mesmo, produzindo design conceitual de velhos e novos personagens e trabalhando no roteiro do filme.

Assim como seu predecessor, Dragon Ball Z: A Batalha dos Deuses, o novo projeto contará uma história inédita, segundo o autor, algo que ele gostaria de ter feito ainda durante a publicação do mangá. Toriyama promete mais cenas de ação e uma história bastante divertida.

O novo filme deve estrear durante a Golden Week de 2015, no começo do mês de maio, no Japão. Por enquanto, não temos nenhuma confirmação sobre a chegada do filme ao Brasil, mas vale lembrar que A Batalha dos Deuses teve passagem pelo cinema nacional, serviços de vídeo via streaming e, em breve, será lançado em DVD, o que nos mantém esperançosos de que o filme seja lançado por aqui.

Fique de olho na Henshin para saber todas as novidade de Dragon Ball e do mundo dos animês!

Mais um trailer de A Lenda do Santuário

Enquanto Os Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário ainda não dá as caras nos cinemas brazucas, que tal assistir a mais um trailer do longa?

A nova aventura de Seiya e os defensores de Athena estreia em 11 de setembro no Brasil.

AkibaSpace 5.0!

O AkibaSpace já é presença obrigatória no Festival do Japão. E a edição deste ano, que ocorre nos dias 4, 5 e 6 de julho, está fervendo de novidades e atividades que vão deixar você com um gostinho do que é andar por Akihabara!

Realizado em parceria com o Kenren e a Editora JBC, o espaço terá campeonatos de games e jogos freeplay – cortesia da FairPlay Brasil, exposição da escola de artes Red Zero, showcase da Nintendo com o Mario Kart 8, e a presença da Comix Book Shop com o novo lançamento da JBC: Tsumitsuki – o espírito da culpa, e a revista-pôster da cantora Tsubasa. Você também vai poder encontrar o pessoal da redação JBC, que vai dar as caras por lá (dica: principalmente no domingo!)

Além disso, o famoso Toyota Etios Mangá, sucesso absoluto no ano passado e que mostrou aos visitantes como é um verdadeiro Itasha, também estará lá, dessa vez com ilustrações dos cinco vencedores do Brazil Manga Awards!

Mas não fica só nisso, não! A tradicional Parada Cosplay WCS chega à sua 5ª edição, aberta para todos os visitantes fantasiados participarem! E fechando o evento, acontece a grande final do WCS Brasil, em que doze duplas vão disputar pela chance de representar o Brasil na final mundial de Nagoya, no Japão.

Não deixe de visitar o AkibaSpace 5.0!! A programação completa você confere no http://akibaspace.com.br/

Mais de Sailor Moon Crystal no Niconico

Depois de noticiarmos que o Niconico exibiria Sailor Moon Crystal de graça e legendado em português, muitos leitores ficaram com dúvidas sobre como seria o acesso ao site, e, realmente, as informações não eram muitas até então.

Porém, hoje as dúvidas vão acabar! Foram divulgadas novas informações sobre a exibição do anime e o esquema das legendas!
Veja só como será:

1. O anime terá exibição quinzenal. Isto é, no primeiro e terceiro sábado de cada mês, um novo episódio sairá no Niconico.

2. Esta é importante: cada episódio ficará no ar de graça por duas semanas (por isso a exibição é quinzenal). Depois disso, ele estará disponível apenas para os usuários premium.

3. Para assistir ao anime legendado no idioma de sua preferência, você deve acessar o canal específico do idioma. Por enquanto, apenas o canal em inglês está no ar, mas o link para o canal em português é este.

Lembrando que: apenas os usuários logados podem fazer comentários durante a exibição do vídeo. Para saber como logar, é só conferir nosso tutorial aqui.

Pronto! Agora é só deixar o despertador ligado para não perder a estreia de Sailor Moon Crystal em português às 7h (BRT) neste sábado (5).

Fonte: Animeanime (em japonês)

Parabéns, Usagi!!

Hoje, dia 30 de junho, Usagi Tsukino completa 22 aninhos desde a estreia do anime, em 1992, e – seguindo a cronologia – já seria Nova Rainha Serenity faz um tempinho!

Na verdade, o aniversário da (futura ex-) Sailor Moon foi ontem no Japão, e claro, a garota teve uma festa em grande estilo patrocinada pela ViVi Magazine.

O evento teve shows do Momoiro Clover Z (intérpretes da nova canção-tema), do elenco do musical Sailor Moon ~Petite Etrangere~, sorteio de vários brindes exclusivos e a exibição do primeiro episódio do novo anime – Sailor Moon Crystal! (Lembrando que a série será exibida de graça – em português – no Niconico neste sábado!)

O palco da festa era decorado com o tema do Milênio de Prata, e além de todas as apresentações acima, nele também revelaram os dubladores da Rainha Beryl e dos Quatro Generais (Jadeite, Nephrite, Zoisite e Kunzite).

Veja as fotos do superevento abaixo (com uma surpresa)! E não se esqueça de dizer: Otanjoubi Omedetou, Usagi!!

Atenção para o SPOILER!
A nova abertura e sequência de transformação de Sailor Moon Crystal vazou! Mas confira logo, porque pode sair do ar rapidinho!

Fonte: Comic Natalie e SOS Sailor Moon.