Top 7 Melhores Capas do Ano

É, pessoal, o ano está acabando, os prazos estão apertando e a gente aqui da Henshin e da Editora JBC está fazendo das tripas coração para conseguir entregar para você todos os seus mangás preferidos. Durante 2013 rolaram muitos títulos bacanas, todos recheados de tramas surpreendentes e acompanhados de capas sensacionais. Para comemorar, nós traremos agora as melhores capas do ano, é o Top 7 Capas 2013!

Mas é aí que você pergunta: “Pedro, geralmente quem escreve os Tops não é o Leo Kitsune? E mais, os tops não rolam sempre de sexta? Por que, então, um top de terça e escrito por vossa senhoria?”. Bem, se você já é leitor antigo aqui da Henshin, a resposta já deve estar clara, mas ainda assim vou responder para os de primeira viagem: porque sim!

Agora que já entramos no espírito Top 7, vamos aproveitar essa véspera de feriado (ao menos em alguns pontos do Brasil) e dar aquela conferida em algumas das capas mais legais que pintaram nesse ano. Vale lembrar que a Editora JBC publica uma média de 15 titulos por mês, ou seja, essa aqui é só uma lista simples com algumas das revistas que mais chamaram a atenção deste humilde redator. Vamos lá!

7° – Fairy Tail 30

A sétima posição ficou com uma das séries mensais mais longevas da editora: Fairy Tail. O sensacional traço de Hiro Mashima já ilustrou belas imagens, muitas delas aparecendo em mensagens de Bom-dia ou Boa-noite na própria página da Henshin. Depois de tantas edições, parecia bem difícil inovar e as capas começaram a ficar cada vez mais parecidas. Ainda lindas, mas parecidas.

Foi então que o autor surpreendeu e quebrou todos os padrões em uma arte fora de série para o volume 30. A capa sem a tradicional “moldura” apresenta Natsu e Acknowlogia em uma composição para fã nenhum botar defeito:

6° – Another 3

Definitivamente, Another foi um dos pontos altos do ano. Em uma trama de suspense fechada em quatro volumes bem amarrados, Yukito Ayatsuji e Hiro Kiyohara adaptaram bem o clima da light novel original e entregaram um mangá pra lá de assustador.

Não foi por acaso que a obra conquistou a sexta posição. Apesar dos quatro volumes terem capas muito bonitas e dignas de nota, aquela que parece brilhar em meio a coleção é a do lendário terceiro volume. Another 3 é embelezada pela ilustração da colegial Izumi Akazawa, quebrando um pouco o clima tenso deixado pela protagonista Mei Misaki nas edições anteriores. Dê só uma olhada:

5° – RG Veda 6

O último mangá do CLAMP finalizado pela JBC não teria como ficar de fora da lista. A jornada fantástica de Yasha e Shura foi descrita ao longo de dez número recheados de ação e revelações surpreendentes. Não bastasse isso, cada um dos mangás conta com uma capa muito caprichada, tornando a coleção completa uma das mais bonitas já publicadas pela editora.

Não foi nem um pouco fácil escolher qual das belíssimas ilustrações merecia um lugar na lista, mas no final das contas a vencedora foi a edição número 6. É até complicado descrever a beleza desta capa, pare o que estiver fazendo por um minuto e só contemple:

4° – Blue Exorcist 3

Blue Exorcist chegou às bancas quase no meio do ano e já vem arrebentando todas as expectativas. Além de muito divertida e bem humorada, a série conta com um traço bem bacana, o que ajuda a compor cenas de ação sempre bem diferentes. A jornada dos irmãos Okumura está em seu quinto volume e já teve sua cota de capas bacanudas.

Quem abocanhou a quarta posição do Top 7 dessa semana foi o volume 3! Shiemi Moriyama é a estrela dessa capa cheia de cor e emoção. Não existe outra palavra para definir essa revista se não LINDA!

3° – The Innocent

Outra surpresa agradável neste ano foi o oneshot The Innocent. O mangá desenvolvido pelo ex-presidente dos Estúdios Marvel, Avi Arad e desenhado pela coreana Yasung Ko apresenta uma trama de vingança e redenção, onde os pecados do passado se tornam combustível para uma vingança em chamas.

Apesar de trabalhar com uma história bem amarrada, o ponto alto da obra é, sem sombra de dúvidas, a arte. A revista é carregada de cenas de ação sensacionais e páginas duplas de tirar o fôlego. É claro que a capa não ia deixar a desejar:

2° – Super Onze 3

Correndo por fora (em direção ao gol) nós temos o Super Onze. Em um projeto bem diferente, o mangá chega às bancas quinzenalmente, em um formato diferenciado e um precinho bem camarada, R$4,90. Com o novo formato, o número de edições aumenta um tanto e a equipe de arte aqui da editora ficou com a difícil tarefa de desenvolver novas capas.

No final das contas, não é que o pessoal mandou muito bem no terceiro volume da série e acabou colorizando de forma brilhante uma baita ilustração para Super Onze 3?! Essa bela capa exclusiva da Editora JBC conquistou um merecido segundo lugar!

1° – Senhor dos Espinhos 4

O primeiro lugar do top ficou com mais uma coleção que merecia uma lista própria. Em O Senhor dos Espinhos o experiente mangaká Yuji Iwahara apresenta uma história de mistério e reviravoltas, com ação, suspense e uma dose de terror psicológico. Com um traço belíssimo o autor dá um show, com destaque para as páginas coloridas que abrem as edições.

Com um miolo pra lá de caprichado não dava para apresentar capinhas mixurucas e sem graça, né? Cada um dos mangás conta uma capa composta pelas principais cenas do volume, um pequeno teaser de encher os olhos que, com certeza, convenceu muita gente a levar o mangá pra casa.

A escolha não foi fácil, mas capa que conquistou a primeira posição foi a do quarto volume da série! A edição marcada pelo começo das revelações sobre o vírus medusa e um pedaço do passado dos personagens principais é adornada por uma bela capa composta por algumas cenas bastante expressivas, aprecie:

E é isso aí, galera. O campeão do ano foi O Senhor dos Espinhos! O mangá é muito bacana e… pera aí, não! Para com isso, me largue, nããããão… Sim, nós tentamos, mas é impossível. A ideia era fechar esse Top 7 sem a presença dele, mas não deu.

Mesmo com todas as posições ocupadas, a capa do ano vai para… Soul Eater 14!! O triunfante retorno de Excalibur!!! Mesmo que quiséssemos, não dá pra citar as capas mais bacanas que rolaram sem dar o devido valor ao mangá que leva o personagem mais forte, mais elegante e mais BACANUDO de todos!

Agora, sim. O Top 7 fica por aqui. Curtiu a lista? É claro que não deu pra citar todos os mangás e MUITA coisa bacana ficou de fora… quem sabe depois dessa minha pequena burlada no sistema, o Leo não aparece por aqui mais tarde e conta quais foram os 7 melhores pra ele? Ou quem sabe o próprio Gerente de Conteúdo, e mero goleiro nas horas vagas, Cassius Medauar não escolha suas sete capas favoritas… Bem, muita coisa pode acontecer. Fique de olho aqui na Henshin para conferir!

Ps. Comente no Face e Twitter quais suas capas preferidas do ano da JBC, quem sabe não fazemos um post com as mais votadas?

Share

Pedro Catarino

Assistente editorial, redator da Henshin e o cara que anota as suas sugestões na página do Facebook!

Você também pode se interessar por: